segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Quem é essazinha?

Cassandra, minha estagiária de vasta cebeleira negra e olhos grandes, é uma figura importante para este blog. Suas aventuras renderam várias pautas bacanas. Algumas puderam ser publicadas. Outras não. Mas cada participação da musa rendeu grande aceitação do público. Só que Cassandra andou sumida. Na verdade, ela andou de recesso, porque foi fisgada. Pois é, minha querida amiga foi flechada pelo moleque travesso chamado Cupido. E quem disse que isso não poderia render uma história com a imprevisibilidade de sempre?

Aliás, o que deu em mim para escrever "moleque travesso chamado Cupido"? Taquelpariu!

Cassandra arrumou um namorado guitarrista que deixou o seu jovem coraçãozinho desnorteado.

Opa, outro pensamento: vamos combinar que caras que tocam guitarra exercem um forte appeal sobre a libido feminina. É a aura de bad boy, de vagabundo, de James Dean, de rebelde etc. Curiosamente, o oposto também funciona: o cara com terno de listras. Como sou incapaz de tocar guitarra, é mais fácil usar um figurino mais estiloso. Chega de pensamentos... de volta à história.

Mais apaixonada que uma personagem de clipe do Julio Iglesias, Cassandra deu um tempo na vida bandida e se rendeu aos programinhas de casais felizes.

Sabe aqueles desenhos da Disney em que a mocinha dança e canta com o príncipe entre passarinhos, esquilinhos, ursinhos e outros "inhos"? Pois esse é o universo que Cassandra, a Princesa das Trevas, escolheu para chamar de seu.

Certa noite, estavam Cassandra e o Príncipe Encantado no Vale Open Air.

Ops, momento jabá.

De repente, uma garota se aproxima do Príncipe Encantado toda cheia de sorrisos e cordialidade. O alarme da nossa heroína disparou:

Periguete! Periguete! Periguete!

- Oi, Príncipe Encantado. Há quanto tempo. Que saudade!

Por mais segura e superior que seja, uma mulher fica transtornada quando outra fêmea chega perto do seu homem com esse papinho de saudade. Cassandra contou até 15 em algarismos romanos e respirou fundo.

- E a sua conta, hein? Tenho uns investimentos legais para te mostrar. Passa lá no banco.

Veja você como tudo muda de figura de uma hora para outra. De vadia, a moça poderia ser uma inocente gerente de banco tricotando com o seu cliente fora do expediente. Cassandra ficou com vergonha do seu ódio sem fundamento.

- No mais, a sua mãe está bem? E o seu pai? Manda lembranças a todos e um beijo para a sua irmã.

Cassandra ficou confusa. A invasora era uma periguete, uma gerente de banco ou uma prima distante? A guria se despediu e sumiu na fila da pipoca.

Nossa musa calçou um salto 30 e ergueu o nariz. Em seu interior, ela jamais desceria do pedestal para perguntar quem era a infeliz. Se ele quisesse, que contasse. Ela manteria a classe, a elegância, a postura, a...

5, 4, 3, 2, 1...

- Quem era essazinha?

- Legal ela, né? É ex-namorada da minha irmã.

Glup!

QUAL A MORAL DA HISTÓRIA,
HE-MAN?

Amiguinho, qual a lição óbvia desta pequena peripécia? Simples: não faça julgamentos prematuros. Essa foi mamão com açúcar. Então, evite pagar um mico parecido. Antes de formar uma opinião ou definir uma posição, ouça e analise a história até o final. Sem fazer nenhuma mágica, você vai acerta muito mais. Bom, é isso. Agora, He-Man, o mais sinistro, gostaria de manifestar sua alegria por ler mais uma história de Cassandra, a Estagiária. O Surfista se amarra nos seus causos e eu também. Amiguinho, não deixe acumular louça na sua pia. Tenha vergonha na cara! Até a próxima!!!


OBS. Para conhecer outras aventuras de Cassandra, clique no recém-inaugurado marcador. Você não vai se arrepender.

16 comentários:

Estava Perdida no Mar disse...

Bem-vinda de novo, Cassandra.

Branca de Neve disse...

As aventuras da Cassandra sempre são ótimas!

RUInaldinho disse...

Eu ri.

PS.: finalmente deste o ar da graça, Surfista...agora 2010 começou, hehehehe... abraço!

maria disse...

Das raras vezes em que me manifestei a respeito de pururucas/piriguetes/pirilampas e outros P's, em uma delas eu caí numa dessa...

Surfista disse...

Dúvida: é "periguete" ou "piriguete"?

maria disse...

O naipe dos tipos justifica um I. Não merecem a grafia que seria mais correta - derivada de pErigo.

[#advogadamodeon, rs]

Lui disse...

PEriguete...mas no carioquês acaba ficando "pirigueti" mesmo. A única coisa que tem que ser definida é que essa raça fique bem longe de mim, amém.

A novela da Alfa disse...

Falou em guitarrista e eu fiquei tensa. Espero que não seja o meu :P Mulher tem que ter segurança de si, mas homens são fogo, então muito cuidado! Sempre vai existir a estagiária piriguete (escrevo assim, mas dps explico pq) que acha que conhece o Kama Sutra de cor e salteado. Homens são bobos e pulam a cerca acreditando. Se ferram e querem voltar pianinho, mas aí é tarde demais. Agora fica com a estagiária Kama Sutra ué. Não queria tanto o maldito livro. Fica com ela! Vem e chora pedindo para voltar. Querido, a fila anda!

Bom, eu ando mais enrolada que novelo de lã dos finos rs... Ah, e mt revoltada com os homens da nossa faixa etária.

Imagine a seguinte situção:
Eu quero o Mark, mas ele tem medo de relação séria, pq a vida deu uns sustos nele e ele não quer casar agora. Quem disse que eu quero? Louco! O negócio é que o Daniel Clever me trata bem e me faz pensar duas vezes no que eu quero. Acha que a confusaão está armada? Nada disso! Cai um paraquedas e pede para casar comigo. Comigo = euzinha aqui. Hã? Eu casando? No way! Ah, mas vc não é católica e romântica? Hã? Eu? Acho que não! Quando chegar a Copa eu penso nisso ahahah

Resumindo: fui pedida em casamento, neguei e agora ele quer continuar comigo de qualquer forma, mas anda preocupado com os amigos da Bridget Jones. Virou grude e eu estou estressada com isso rs...

Ah, o q vc acha de ex gde namorado que não pode ouvir falar do seu nome? A atual dele, uma ex estagiária pi pi piriri rs... quer casar e ele deu um nãão gigante. Os amigos ligam para avisar, e eu com isto?

Na boa, vc me conhece! Estou com cara de quem precisa casar logo? Eu hein... cada doido que me aparece!!!!

Pede para o He Man opinar aí. Preciso de uma opinião de super heroi velho ahahahahha

bjs

Vulgo Dudu disse...

Eu já senti como é ter um instrumento em mãos e estar acima da linha de visão, em cima do palco. Acho que não é ar rebelde. É fálico! A guitarra, com o braço longo, na altura da cintura - saca? Eu já vi amigos, desprezados pela mulherada quando em solo firme, se transformarem em semideuses em cima do tablado.

Abs!

Princess disse...

(Ups, apareci!)

A guitarra não me fascina, mas o conjunto básico: voz e violão, me tiram do sério!
Mas pra falar a verdade... o cara não precisa ter nenhuma dessas habilidades! A escolha da música certa no carro, por exemplo, já faz a diferença!!

Agora um P.S.: Nem todas as estagiária são piriguete e DEMONSTRAM conhecer o Kama Sutra de cor e salteado!!! A culpa não está em ser estagiária ou não... vamos com calma, galera!!!

Um beijo,

Alfa disse...

Princess,

Você não deve ser. Não disse todas, mas algumas são fogo! Pode ser estagiária, aluna ou sei lá o que. Tem mulheres e Mulheres. Algumas estão exagerando na hora de pedir igualdade. Nós nunca vamos ser exatamente como eles. Sei lá!
Eu estou em busca do equilibrio, mas sei lá!!!

bjs

Surfista disse...

Toda mulher deveria saber o Kama Sutra de cor e salteado. Gurias cheias de "não-me-toques" são tão chatinhas...

Mulherzinha Sim! disse...

Nossa, essa foi boa!

As histórias da Cassandra dariam uma novela mexicana. rs

Beijos

Marianna disse...

Surfista,

Gurias cheias de não me toque são aquelas que não querem se ferrar na mão de todo cara que conhecem?

Aliás, preciso de uma ajuda do Surfista Platinado. Sério mesmo.
Como dizer um não e fazer com que o não seja aceito?
Como deixar de ser enrolada e partir para a próxima?
Como não cair em furadas?

Ahh, te devo um pedido de desculpas, mas isto é com o Douglas mesmo.

bjs

Alfa disse...

Perdi a minha noitada. Meu nada meu está bolado porque quero refrescar a minha cabeça. Ele quer sair e eu não.

Princess, se você for a princesa do reinado do quarteto fantástico, me dá uma ligada qnd puder. Precisamos conversar. Se não for, sorry!

Surfista, vc já sabe com quem eu quero falar?

Ahhhhh, Kama sutra? Ainda não estou nesta fase. Tanta coisa melhor para ver/ler rs... Certas coisas se aprendem na prática rs... Dizem por aí q eu devo ser uma boa esposa. Se eu fui pedida em casamento? rs... Preciso escrever sobre isto. Ai ai ai.

Mulheres pré 30 anos: vcs já foram pedidas em casamento? Aceitaram? Ficaram com medo ou acham muito cedo para casar?

Alfando no pc rs...

Surfista disse...

PERDIDA NO MAR, BRANCA DE NEVE, Cassandara andou de recesso, mas ainda vive e apronta.

RUINALDINHO, temporada 2010 iniciada! Abraço!

MARIA, as piores periguetes (ou piriguetes) são as que não dão pinta.

LUI, que é isso? Periguetes são divertidas. Quando amestradas, elas divertem o ambiente.

VULGO, o homem no palco acelera a pulsação das fêmeas. Acredito misso!

PRINCESS, você é uma exceção. No final das contas, o bom uso da música é fundamental.

MULHERZINHA, novelas mexicanas são melancólicas e bregas (assim como a maioria dos folhetins). As aventuras de Cassandra são divertidíssimas. Beijo!