terça-feira, 22 de junho de 2010

Todos os corações do mundo

Eu adoro futebol. Basta uma bola rolar em algum gramado nacional ou estrangeiro para que eu fique hipnotizado. Já me peguei vendo um jogo do Votuporanguense na Rede Vida. Já briguei com uma namorada na Copa de 2006 por causa de uma partida do Brasil. E, além de acompanhar os jogos, eu leio sobre o assunto com curiosidade de arqueólogo. Em ano de Copa do Mundo, o país respira o velho e rude esporte bretão – ainda mais com a internet consolidada na vida do povão. Não há como fugir do assunto, então vejamos o lado pitoresco desta época do ano:

Futebol total
De quatro em quatro anos, a TV fica refém do futebol. Nem a novela escapa. Se bobear, o Gianecchini comenta a partida entre Argentina e Coreia do Sul entre uma maldade e outra. Na internet, somos milhões de comentaristas e pitaqueiros. No cabelereiro, a revista Caras mostra como foi Brasil x Coreia do Norte no Antiquariu's. No "Fala que Eu te Escuto", os pastores cornetam a escalação do Gilberto Silva.

Mulheres
Em muitos concursos de Miss Brasil, o entrevistador pergunta à candidata Miss Alagoas sobre o seu time e o seu livro preferido. Ela responde protocolarmente "Brasil e 'Pequeno Príncipe'". Mas em mês de Copa, a mulherada se rende aos jogos com mais afinco. É o único período em que os homens ganham habeas corpus para ver futebol loucamente. "Amorzinho, é só uma vez a cada quatro anos", eles argumentam. "Hmpf!", elas resmungam, mas aceitam. Como represália, elas ficam de olho nas pernas dos jogadores, no sorriso do Kaká e no topete ridículo do Cristiano Ronaldo. "Ah, amorzinho. Eu só vejo esses jogadores de quatro em quatro anos", elas argumentam. "Hmpf!", eles resmungam, mas aceitam.

Bolão da Copa
Papai do Céu disse que ao se reunirem dois ou mais em oração, lá ele estaria. Durante a Copa, ao se reunirem dois ou mais pessoas, tem um bolão. Na empresa, no clube ou no boteco, as apostas correm soltas. Curiosamente, as pessoas que costumam faturar a bolada são aquelas que menos entendem de futebol. O entendido que acompanha todos os campeonatos do planeta jamais conceberia uma derrota da Espanha para a Suiça. A secretária que mal conhece o Corinthians, acha que a Suiça tem chocolates mais legais e crava lá: 1x0.

Álbum de figurinhas
Em 2010, a Panini riu à toa. A febre das figurinhas foi mais intensa e preocupante que a H1N1. Vagabundo estava matando trabalho para correr atrás do escudo da Nigéria ou do maldito Wayne Rooney, que ninguém tem para trocar. O diferente foi como as redes sociais deram uma mãozinho especial para as trocas. A internet a serviço do povo!

Galvão Bueno
"Ééééééééééééééééééé, do Brasiiiiiiiiiiil! Rrrrrrrrrrronaldinho!". É mais uma Copa no gogó do Galvão, moçada! Odiado por muitos e detestado por poucos, Galvão segue firme e forte no comando dos jogos da Globo. Nesta copa, o twitter piou o que um país inteiro clama há anos: Cala Boca, Galvão. Mostramos que quando queremos sacanear alguém, somos altamente organizado. E os gringos se desesperaram: "esses brasileiros sanguinários querem matar a pobre ave em extinção". Mal sabem eles...

Patriotada
Que beleza! Varandas coloridas, bandeiras nos carros e ruas enfeitadas realçam o nosso patriotismo. Que povo consciente, inspirado e unido. Canta o hino com a mão no peito e vibra com a pátria de chuteiras. No Brasil, ser patriota tem prazo de validade: acabou a copa, acabou o amor pela nação. E tudo volta a ser como antes.

Vuvuzelas
Ok, ok, é um elemento da cultura africana, faz parte da sociedade bafana bafana e blábláblá, mas, PQP, como é chata. Imagina ver um jogo com um desgraçado soprando esse troço nas suas orelhas? Meu medo é que a moda está chegando ao nosso país. Ai, ai, ai...

Meu nome é Jabulani
Tenho pavor dos nomes da moda. Você já imaginou quantos pais joselitos vão batizar os seus pimpolhos recém-nascidos como Jabulani, Bafana, Tchabalala, Maicon, Kaká e Vuvuzela? O governo deveria se antecipar e enviar informativos aos cartórios com uma orientação bem clara: "está sumariamente proibido efetuar registros com nomes escrotos relacionados à Copa do Mundo da África do Sul".

Pelé, o visionário
O Atleta do Século é o oráculo. Quem ele aponta como favorito se ferra antes das oitavas. O Rei elogiou a Espanha e veja o que aconteceu...

Argentina
E pelo Manual de Etiqueta do Dunga, devemos respeitar os adversários e enaltecer a esportividade. Viva o espírito olímpico e que se f#$@#%$, os filhos da !@!#$#@$ dos argentinos do car"#!#$*! Que vença o melhor, menos eles.


QUAL MORAL DA HISTÓRIA,
HE-MAN?
Amiguinho, aqui em Etérnia não tem Copa do Mundo. A seleção eterniana empatou com um combinado do Tibet e não se classificou para a festa maior do futebol. Dane-se! He-Man detesta futebol e ocupa seu precioso tempo depenando a Feiticeira ou dando um rolé com o Gato Guerreiro. Meu único e pálido interesse pela Fifa World Cup se restringe às torcedoras da Dinamarca. Amiguinho, pedir licença não tira pedaço. Até a próxima!!!

25 comentários:

Barbara Góes disse...

Não falta mais não.

Já foi registrada em Acari- Salvo engano- no interior do Rio Grande do Norte a primeira menina de nome Jabulani.
Sim, ela sofrerá vergonha eterna e por mais que o cartório, não quisesse aceitar, os pais ganharam essa partida...

Vai entender.. tsctsc!

JUJUbildes disse...

Que coisa, heim, Bárbara????
Aff!!!! :/

duda disse...

e..os homens são realmente todos iguais!

Lee disse...

Amigo,

quando você comentou o "batizar uma criatura de Jalulani" me lembrei do meu Estado, Rio Grande do Norte. Verdade ou não, corre um boato que em Jardim de Piranhas, cidade lá no seridó, o cartório proibiu um pai que chegou que queria registrar a filha de JABULANI.
Tem noção?... Você até tem, mas esse Piranhence ou, desculpa, Jardinense, rsrsrsrs nao, tem não!
beijos

Surfista disse...

Maldito gosto pelo exótico, né? O cara vê o nome na TV e logo acha chique. Mas, vamos combinar, desde quando Jabulani é um nome fofo?

Fernanda disse...

Jabulani é nome de mulher feia. E vuvuzela é o que ela tem entre as pernas.




uó.

Fernanda disse...

olha, voltei pra assumir que fiquei com vergonha desse meu comentário aí de cima.



uma moça tão educada...
tsc.

Nathália disse...

AHhh... a Votuporanguense é muito boa de assistir. No estádio então é melhor ainda com a TURA empurrando o Time.. Hehehe
É a alegria e o orgulho da minha querida cidade!

Surfista disse...

Viva a Votuporanguense!!!

Aliás, o que vem a ser a TURA?

RUInaldinho disse...

Comentário pedrobiálico sobre a Copa...hehehehe

Abraço!

Nathália disse...

TURA - Torcida Uniformizada Raça Alvinegra. É a torcida organizada da Votuporanguense. Um espetáculo lindo de se ver.

Odin disse...

Pela primeira vez que eu conheço um(a) cidadã(o) de Votuporanga. E pela internet ainda. Esses são os tempos de "total internet". E viva o Fefecê!

Maria disse...

adorei este post!

e votuporanguense existe? foi sério isso? JURA???

JUJUbildes disse...

Surfista, voltei só para dizer que vc nem comentou nada sobre o meu comentário no posto do "dia dos namorados macabros"...
Magoei... :(

Rs...

Luluca disse...

Eu não recebi ligação nenhuma, mas torço muito que a vaga tenha ficado para a Renata!

Adorei o post! Eu não suporto Copa, porém adoro futebol. Inclusive, já joguei uma época.

Detesto Copa, pois é um falso patriotismo. Uma união pelo nada, pois a tação não traz mudança alguma. Só pros jogadores, que receberão ainda mais rios de dinheiro.

Há duas semanas que quero escrever sobre isso, mas admito que estou num momento preguiça. Abstrair a internet à noite é triste.

Marcos Satoru Kawanami disse...

quer casar com minha mulher? ela é fixada em futebol, e não me deixa ver a novelinha.

=D
He-Man

Quadratura do Circulo disse...

Foi um prazer visitar este seu blog. se possiel divulgue este novo blog dde opinião! Muito Obrigado

http://quadratura-do-circulo.blogspot.com/

Anônimo disse...

Surfista:

Eu adoro futebol!! E esta Copa está trazendo muitas surpresas:
- Itália e França eliminados;
- Meus japinhas nas oitavas;
- Chile, primeiro do grupo;
- e outras mais...
Futebol é uma caixinha de surpresas...
Bjs

Aninha

Camille disse...

Caixinha de surpresas é pouco!
Gana nas quartas...E dá-lhe África!rss...
Saudades deste blog, bons textos enquanto estive ausente...!
A tristeza parece ter abandonado o local do qual não faz parte...
Viva Surfista!

Madame M disse...

Surfista, tenho que admitir, odeio futebol, mas o último jogo do Brasil assisti no cinema só pra ver o goleiro do nosso time de tupiniquins.

'Bendito' goleiro, sou louca pra agarrar as bolas dele..

Vou ficar no sonho.

Se puder, visita o meu blog http://esketeserotikas.blogspot.com

beijos nesse teu corpo, meu querido!

Surfista disse...

Ah, a Copa do Mundo que mobiliza a massa, incita a fúria e batiza (ou amaldiçoa) bebés recém-nascidos com o nome de Jabulani.

E viva a Votuporanguense, que não está na Copa, mas desperta as paixões do povo!!!

BÁRBARAe LEE, benzadeus, hein? Que os pais caiam no erro, até podemos creditar na ignorância, mas... insistir? Aí é fogo! Probre Jabulani. Provavelmente, terá o apelido de Jajá ou Lani.

JUJUBILDES, pois é, né? Ah, seu comentário está devidamene comentado. Foi mal!

DUDA, temos modos operandi totalmente diferentes entre nós. Futebol é um elemento intetrador à nossa essência bruta.

FERNANDA, sensacional!!!

RUINALDINHO, a Copa desperta comentários biálicos!

NATHÁLIA, obrigado por me esclarecer mais sobre a Votuporanguense e a TURA.

ODIN, é viva a inclusão digital, que vai de Nova York a Votuporanga.

MARIA, obrigado, querida! Existe e tem adeptos.

LULUCA, escreva sobre o falso patriotismo e dá um bico na preguiça, guria! Torço pela Renata também.

MARCOS, não fale uma coisa dessas em público. ;-)

QUADRATURA, obrigado pela visita! Tá divulgado.

ANINHA, é a Copa das surpresas. Periga até o Brasil ganhar. Aí sim, será uma baita surpresa.

CAMILLE, você continua atenta. Excelente!

MADAME M, eu não conhecia essa sua vocação para, digamos assim, goleira das bolas do Julio Cesar. Aposto que ele se amarraria. Vou te visitar. Beijo!

Vulgo Dudu disse...

Que texto gostoso de ler, Dougra! Muito bem escrito. Das melhores crônicas sobre copa do mundo.

Abs!

Surfista disse...

Valeu, Dudu!

Mari disse...

Lindo,

nem só de zebra vive essa copa. Alguém que entende de futebol ganhar o bolão é viável e a sua namorada é a prova disso! rsss

;)

beijos

Surfista disse...

MARI, marcou o território, linda. rsrsrs