sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Mulheres em chamas



Bom, depois deste título, aposto que já consegui a sua atenção.

Um empresa de TV paga realizou uma pesquisa para definir o perfil do assinante dos canais de sacanagem. O resultado indicou que os telespectadores são homens e mulheres das classes A e B, com idade entre 25 e 45 anos, com curso superior completo e culturalmente ativos.

Sacou o detalhe-chave? Vou repetir: "homens e MULHERES...". Então, entre os 200 mil assinantes dos ditos canais adultos, há uma cacetada de meninas (idade entre 25 e 45 anos, lembra?) que gosta muito de ver um vuco-vuco na telinha.

Seria mais ou menos assim: a guria chega do trabalho após um dia estressante, come um pratinho light para não sair da dieta e vai relaxar vendo o horário nobre da TV. Entre "Pantanal" e "A Favorita", a jovem moça pode optar por conferir um filminho básico com a Bruna Ferraz ou com a Jenna Jameson.

Se você é menino, sabe bem de quem estou falando. Não se faça de desentendido...

Esse ato inocente derruba uma porrada de paradigmas relacionados ao voyeurismo feminino. Rapidinho, olha só essas cinco conclusões que tive:

1. Mulheres gostam de ver.
2. Mulheres consomem produtos da indústria do sexo.
3. Mulheres curtem uma sacanagem explícita.
4. Mulheres não acham esse tipo de entretenimento o fim do mundo.

E a mais desesperadora:

5. Se necessário, mulheres se viram bem sem a presença masculina.

Como não tenho acesso imediato ao IBOPE, minha pesquisa são as pessoas que me cercam. Então, com muito óleo de peroba na face, fui perguntando para as minhas amigas se elas se amarram num filme de saliência.

- Eu a-do-ro! - revelou uma ex-namorada.

Putz, como eu não percebi isso antes?

- Olha, ver nem me apetece. Mas, ser filmada é uma idéia interessante - essa foi genial. Fantasias sexuais com câmeras despertam minha criatividade e o diretor de cinema que existe em mim. Nunca havia pensado nisso.

- Já vi alguns. Eles não me excitam, mas acho muito curioso. Acho tudo tão artificial que beira o bizarro, e como tudo que é bizarro, prende a atenção - pondera Camille, mocinha culta pra caramba.

Ilka, blogueira e leitora gente fina, teve diversas experiências com o tema:

- Sozinha, eu já vi filme erótico, mas sem sexo explícito, só insinuação. Acompanhada, já vi vários. Filme erótico é legal. Instiga. Eu curto, e acho fresca a mulher que diz que é nojento e tals.

Agora, para coroar a verdade visceral de Brigite:

- Olha... eu adoro um filminho. Vejo sozinha, acompanhada, e gosto tanto da putaria em si quanto da produção das meninas... make up, botas, calcinhas lindas e safadas. Gosto tanto de filmes héteros, gays, lésbicas e outros mais trash. Não gosto muito daqueles filmes brasileiros pobres, sabe? Pentelhos demais, caras e bocas bregas e atores brucutus. Ah... nem sou tão fã dos gemidos exagerados.

Como eu adoro a sinceridade das minhas amigas.

Aliás, só mesmo uma menina para ver um filme desse estilo e ficar reparando nos detalhes técnicos. Fotografia e maquiagem? É ruim, hein? Certas percepções são muito femininas mesmo. Esse paradigma não cairá jamais.



QUAL A MORAL DA HISTÓRIA,
HE-MAN?

Amiguinho, depois de um texto sobre a ingenuidade infantil, você me aparece com uma dissertação sobre filmes de safadeza? Então, tá. Aprenda: uma das pragas do mundo moderno é a facilidade de isolamento. As pessoas têm Internet em alta velocidade, quinze mil canas de TV a cabo, comércio eletrônico, msn lotado, 500 amigos no Orkut etc etc. O que as impediria de ter sexo acessível a qualquer momento, mesmo sozinhas? Aí é que entra a praticidade da sacanagem via cabo (no sentido da TV, amiguinho tarado). Esse isolamento de todos dá nisso (dar, no bom sentido, amiguinho). O que antes era uma tara masculina, agora se abre democraticamente às mulheres. É a geração "Sex and the City", que pode ser romântica, profissional, pudica e companheira, mas também pode se divertir horrores com um rabbit (não, queridinhos, não se trata do coelhinho da Páscoa). É um mundo estranho mesmo. Por essas e outras, eu não arredo o pé de Etérnia. Amiguinho, não rabisque seus livros ou faça "orelhas". Isso é um sacrilégio. Até a próxima!!!

27 comentários:

"Brigite" disse...

Ah Surfista...a "Brigite" gosta muuuuito mesmo...rs...Tb né? Com Jenna Jameson, Silvia Saint, Mercedez, Briana Banks e etc quem resiste? E fora os carinhas deliciosos que fazem o "esforço".
E é verdade que A D O R O as produções, botas e afins...'diliça'...hahahhaahahaa...bjs.

A Truculenta disse...

Adorei o texto! Parabéns! Acho mto engraçado essas 'descobertas' q vcs homens fazem em relação as mulheres!
Sobre o tema, eu gosto de filmes tb. Eu achava q gostava de todos, mas meu ex percebeu que sempre q rolava uma cena de lésbicas eu perdia o interesse e, ou mudava de canal, ou levantava e ia fazer alguma outra coisa. Logo, acho que prefiro os de sexo hetero mesmo. Tá funcionando há tanto tempo né? hehehe
beijos

JUJUBILDES disse...

Olá, Surfista!
Outro dia estive aqui para lhe responder um comentário sobre um dos textos do meu Blog, e me apaixonei pelo seu! Rs... Tenho entrado aqui sempre, desde então. Parabéns, mais uma vez!

Quanto ao assunto do texto em questão, lhe digo que eu, particularmente, adoro filmes eróticos e tudo mais que permeia esse tema.
Gosto muito de assistir tanto sozinha quanto acompanhada! Prefiro os héteros, e os de fetiches e sado me impressionam bastante, no bom sentido.... rsrsrs...

Acho que a maioria das mulheres gostam mas não assumem...

Um beijo!

Surfista disse...

MENINAS, há muito tempo eu não me divertia tanto fazendo uma "pesquisa" para um texto do blog. Aliás, adorei investigar o tema. Foi muito instrutivo.

Assim que rolar um tempinho, eu responderei os comentários com exclusividade.

Beijos.

Calcinha combinando... disse...

Querido, vc já viu os novos sex-shops que têm por aí? Quem vc acha que os frequenta? Isso já mudou faz tempo!!!! Onde vc estava???? rsrs
Bjus

Anônimo disse...

Querido herói, acho q agora vc terá bastante subsídios p satisfazer sua curiosidade!!!Rsrsrs.
Mas p dá "pano pras mangas"...eu adooro uma sacanagem, desde q eu seja a atriz, ser telespectadora não me apetece!!!Não curto mesmo.E não , não é por puritanismo.

beijocas, saudades

Adriana Landim disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cíntia disse...

Querido mocinho,
vide seu email!

;) beijos!

Cíntia disse...

Aiaiai, lá vamos nós! :P

1. Nunca achei muito divertido filmes com a sacanagem explícita. De vez em quando dou uma espiada. Até teve uma vez que vi um programa que divulgava um hotel em que os casais podiam fazer sexo em qualquer lugar (varanda, piscina, área de jantar). Enfim, o que eu acho realmente gostoso de ver são as sacanagens "implícitas". Uma cena de amor, mesmo que só da cintura pra cima, pode atiçar. Até um beijo bem dado (tipo o do Jude Law e a Norah Jones em 'Um Beijo Roubado') pode trazer efeitos hormonais devastadores. Ainda mais se estiver acompanhada de algum mocinho especial.

2. Não acho o fim do mundo assistir, mas como disse, o legal pra mim é imaginar o que não aparece na cena.

3. Agora um ponto delicado... sim, adoraria ser filmada ou fotografada.
A idéia de uma câmera (acredito eu) agrada a maioria das mulheres. Dá uma sensação de você querer ser muito poderosa (e a idéia nem é exibir pros outros! Bem, se o namoro acabar e o cara for sacana...ferrou...). Imagine, seu namorado-ficante-diretor, dando ordens, e você querendo mostrar o quanto pode ser boa? E vice versa? Muito divertido, muito divertido...

Jongleuse disse...

Ser filmada não me atraí em nada... Sentiria mais essa coisa do ego e do poder com fotos do que com um vídeo, mas mesmo assim está lá embaixo na minha listinha de preferencia/fantasias... Quanto aos filmes pornôs, a Camille tem um ponto válido, assim como a Adriana aqui nos comentários... Cenas bizarras, gemidos e suspiros exagerados... Mas sexo é sexo e sempre desperta a curiosidade...

Surfista disse...

Ora, ora, ora... que surpresa! Achei que esse texto seria muito movimentado. Talvez o assunto ainda seja tabú ou os leitores ainda não se sintam à vontade para opinar sobre o assunto. Enfim...

BRIGITE, eu sei sobre o seu apetite cinematográfico. Por isso, fiz questão de fisgar uma declaração sua. Beijo!

TRUCULENTA, obrigado! Sobre as descobertas, sou partidário do "vivendo e aprendendo" - sempre! Beijo!

JUJUBILDES. que bom que gostou e tem participado.Compartilho da sua opinião. Acho que a mulherada curte, mas não assume. Beijo!

CALCINHA, eu estive menosprezando os hábitos salientes das mulheres, eu confesso. Beijo!

ANÔNIMA, deixa um recado desse e acha que vai ficar por isso mesmo. Beijo!

ADRIANA, a maioria dos filmes insiste na gritaria. Deve fazer sucesso...

CINTIA, ah, agora sim! Revelação interessante essa sobre a câmera.

JONGLEUSE, Camille sabe das paradas.

Muleka disse...

Eu curto tb, aho que dá umas idéias e não deixar que caia na monotonia. Em algus já dei até risada de tão bizarros... Beijos *)

maria disse...

A ausência de comentários masculinos (pode até ser coincidência, mas duvido) mostra de que lado está o preconceito.

Você acha mesmo que há quebra de paradigma? Pode até ser no que diz respeito ao "assumir publicamente" o gosto pela coisa.

Mas o "gostar" em si... ah meu caro, desde que o mundo é mundo, enquanto vocês plantam o milho a nossa broa já está pronta faz tempo.

andréa disse...

O anonimato saiu sem querer,kkk.Assumo integralmente minha perversão!!!

bjos.

Anônimo disse...

Surfista,
O que vc pensa sobre o assunto?

bjs

Surfista disse...

ANÔNIMA, acho um baita avanço social e cultural. Mulheres têm tanto o direito de ter esse tipo de diversão quanto os homens. Acho que vale tanto quanto uma reciclagem quanto como um método de auto-avaliação. Dou o maior apoio!

Agora, quem és tu?

Surfista disse...

MARIA, falou, falou e não informou se curte esse tipo de brinquedo.

maria disse...

A enquete não está no blog. Pelo menos eu não encontrei nenhuma pergunta dirigida às leitoras.

Portanto, comentei apenas as suas impressões, tanto no post quanto no comentário acima.

Mulherzinha Sim! disse...

Eu prefiro os filmes de sacanagens implícitas. Já assisti alguns pornôs, mas acho meio fake. Sei lá... prefiro mesmo é praticar. rsrs

Já os acessórios da indústria do sexo são o máximo. Aliás, até comprei um tesômetro para dar de brincadeirinha para o meu ficante fixo (FF).

Beijos

Lisa disse...

surfista, ainda bem que eu nao estava na amostragem q vc pesquisou. ehehehehe

ISO disse...

Eu gosto sim de ver, acho engraçado muitas vezes... e excitante também.
Bjks.

Surfista disse...

MULEKA, monotonia é um saco!

ANDREA, que bom! Esses anonimatos deixam o blogueiro com uma curiosidade insana...

MARIA, então, não seja por isso: curtes ou não curtes uma safadeza na telinha?

MULHERZINHA, continue praticando!!!

LISA, sempre há tempo para aumentar a amostragem. Conte ái, qual a sua opinião sobre o assunto?

ISO, também acho excitante. Aliás, você deixou o Surfista comovido com suas palavras. Você sabe do que estou falando...

Franco disse...

Prezado Surfista,

Uma duvida que sempre me impediu de assitir com as oficiais é o ciume.

Com algumas ficantes ja rolou de assitir e seguir o script da cena, mas com namoradas sempre fico receoso do ciume, da namorada achar que estou mais excitado com a atriz do que com a que esta presente.

Nao sei se sao as namoradas que sao/foram muito ciumentas ou comigo.

Abs

maria disse...

Depende, tudo depende nesta vida. Mas você bem sabe a resposta, ou ao menos alguma resposta.

Sunflower disse...

eu: adoro filme porno.
ex: ah, que bom saber disso...
eu: pq, oq q vc vai fazer?NADA como sempre?
ex: .... Vc nunca ouviu falar que desmasculinação é brochante?

Renata disse...

Há mais mistérios entre os sexos do que entre o céu e a terra!!!

Acho que as mulheres mudaram bastante e a maioria dos homens não acampanhou essa evolução.

Homem se assusta quando a mulher fala que curte uma sacanagem!


PS: Ahhh He-Man, vem nos visitar... vc é um espetáculo! rs

contorcionista disse...

Prefiro as pornochanchadas! Não mostram nada e ficam só na malícia.

www.balzacsemprozac.blogspot.com